O Conselho Metropolitano para o Desenvolvimento Sustentável da Grande Florianópolis (Comdes) promoveu (26.07) sua primeira reunião mensal fora de sua sede, iniciando um processo itinerante. Foi na sede da Unopar, em Palhoça, atendendo a um convite da Associação Empresarial local, a ACIP. Cerca de 50 participantes estiveram presentes ao encontro, o mais concorrido do ano. A obra da Via de Contorno da BR 101 na Grande Florianópolis foi a pauta única.

O Comdes é um fórum de entidades representativas e se constitui em um importante campo estratégico de contribuições para o fortalecimento e o desenvolvimento sustentável da Região Metropolitana da Grande Florianópolis. A Associação Empresarial de Palhoça (ACIP) é participante ativa deste fórum.

Formado por mais de 35 entidades da Grande Florianópolis, o Conselho atua por meio de Grupos de Trabalho em questões como mobilidade, transporte, turismo, construção civil, preservação ambiental, saneamento básico, governança metropolitana, entre outras.

No encontro mensal realizado em Palhoça, estiveram presentes o senador Esperidião Amin, a deputada federal Angela Amin, o secretário executivo da Frente Parlamentar mista de Logística e Infraestrutura Edinho Bez, o Prefeito de Palhoça, Camilo Martins, entre outras autoridades e representantes de entidades. A ACIP foi representada pelo Presidente Ivan Cadore, pelo Diretor Institucional Valdir Tomazzi e pelo Diretor de Sustentabilidade e Meio Ambiente, Lincoln Lenoch. O eng. José Carlos Rauen presidiu a reunião.

Os debates foram precedidos de apresentações da Fiesc e da empresa Arteris, encarregada da execução da obra. Do total de 51 km, atualmente são cerca de 34 km em obras. Hoje faltam 125 das mais de 1 mil desapropriações previstas no projeto, que tem travas ainda com a aprovação dos projetos da Lab Trans pela ANTT e Arteris, com uma previsão  de conclusão para Outubro de 2019. A conclusão completa da Via de Contorno, incluindo obras especiais e troncos considerados pontos críticos, está prevista para dezembro de 2022.

O Presidente da ACIP, Ivan Cadore, considera que foi um marco a realização deste encontro em Palhoça. “Colocamos nosso município mais uma vez em evidência e assim mostramos nossa força regional. A realização desta obra é fundamental para desafogar os congestionamentos crônicos que afetam a mobilidade urbana de Palhoça e todo o seu entorno. Vamos torcer para que a obra prossiga sem mais atrasos”, registrou Cadore.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *