ACIP consolida novos avanços em 2016

A Diretoria da Associação Empresarial de Palhoça (ACIP) promoveu sua avaliação de desempenho referente a 2016 e registra avanços e conquistas, tanto no plano institucional como na ampliação da oferta de serviços e soluções aos seus associados. A entidade, que integra o sistema associativo estadual da Federação das Associações Empresariais de SC (Facisc), possui atualmente cerca de 400 empresas associadas dos setores industrial, comercial e de prestação de serviços.

 

O Presidente da ACIP, Leandro Porto da Rosa, explica que “o principal objetivo da entidade é fortalecer a atividade empresarial através do associativismo, mas sua atuação extrapola para outras atribuições igualmente estratégicas, como atender expectativas em soluções e serviços dos associados e também buscar inserção no contexto social, econômico e político de Palhoça e região”.

 

– Ao longo destes 23 anos de atuação, a ACIP ganhou merecido destaque como uma das instituições mais fortes do município e que tem participação decisiva na construção de avanços e conquistas de Palhoça no cenário regional e estadual – afirma.

 

 A ACIP mantém parceria com várias empresas para beneficiar seus associados, funcionários e dependentes, um leque de opções que foi ampliado em 2016. São mais de 20 opções disponíveis entre soluções, convênios e programas de parceria. A entidade também tem a possibilidade de participação de associados em núcleos setoriais e temáticos. Atualmente, são quatro em funcionamento – Núcleos Jovem, Inovação, Gastronomia e Engenharia e Arquitetura. 

 

Leandro Porto da Rosa sempre faz questão de frisar que “os núcleos podem ser a porta de entrada de novos associados”,  utilizando o exemplo dele próprio, que tem a trajetória no movimento associativista a partir da participação em um núcleo, o Núcleo ACIP Jovem.

 

“Hoje as empresas estão buscando melhor compreensão do processo de formação das redes de negócios e a movimentação dos núcleos empresariais é o associativismo na prática através do modelo em rede – afirma.

 

Um dos pontos mais importantes de atuação da ACIP deste ano acentua o Vice Presidente e Diretor de Eventos, Marcos Cardoso Canto, foi de estreitar o relacionamento com os poderes públicos e também com entidades como o Sebrae/SC, Senac, Sistema Fiesc, OAB Palhoça, entre outras, se consolidando como a Casa do Empresário de Palhoça.

 

Ainda no plano institucional, os dirigentes mencionam a instalação, junto à sede da entidade, da representação regional do Sebrae/SC, através do Centro de Atendimento Sebrae ao Empreendedor (CASE), da instalação da primeira Câmara de Mediação e Arbitragem de Palhoça, esta, em parceria com a Corte Catarinense de Mediação e Arbitragem e também a participação na fundação e na primeira diretoria do Observatório Social de Palhoça.

 

Outro campo de atuação da entidade está no incentivo a processos e iniciativas que estimulem ações de inovação. Esta diretriz acompanha o trabalho desenvolvido pela prefeitura de Palhoça na criação de políticas públicas destinadas a atrair investimentos no município com foco nas empresas inovadoras. A ACIP atua no fomento a estas ações através de sua participação no Instituto de Apoio à Inovação, Incubação e Tecnologia (Inaitec) de Palhoça, como entidade fundadora e também através da presença da Diretora de Desenvolvimento Empresarial e de Inovação, Dionara Conrad, que é a atual Presidente do Instituto.

 

A contribuição direta com a comunidade também é um dos papeis da entidade, conforme Guilherme Girol, Diretor de Meio Ambiente, através de desenvolvimento de programas sustentáveis como o ReÓleo, numa parceria com a co-irmã ACIF de Florianópolis, e o ReciclACIP. “Ambos registram resultados expressivos e desta maneira prestam sua contribuição para melhorar a qualidade do meio ambiente local”, disse Girol.

 

Para 2017, a ACIP pretende dar continuidade aos programas e eventos que já são desenvolvidos e também estuda novas alternativas. “Trabalhamos sempre para fortalecer nosso relacionamento com os associados, como prioridade, e também na defesa de bandeiras que tragam benefícios para a atividade  turística de Palhoça. Recentemente, Palhoça ganhou nova visibilidade internacional com o reconhecimento da praia da Guarda do Embaú como Reserva Mundial de Surf, conquista essa que pode ajudar e muito no desenvolvimento do turismo da região sul do município. A ACIP participa do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) onde defende a bandeira do desenvolvimento turístico e sustentável no entorno e vamos fortalecer essa linha de atuação”, destacou.

 

compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
tags
veja também