Destaque Associado: Restaurantes de Palhoça já aceitam bitcoins

Que tal pagar sua refeição com bitcoin? Num dos restaurantes da praça de alimentação do ViaCatarina, o John Grill, isso já é possível.

O mesmo acontece com o restaurante Fructifica, localizado no Passeio Pedra Branca. Ambos tiveram seus processos de conexão com as moedas virtuais viabilizados com a plataforma Bancryp pela empresa FuTTuro, associada ACIP, iniciativa do empresário Willian Farias, o agora coordenador do Núcleo de Tecnologia e Inovação da Entidade.

A FuTTuro é uma empresa que trabalha realizando as conexões necessárias para que empresas floresçam. De acordo com Willian, existe o contato diário com várias iniciativas promissoras, uma delas é da Bancryp. Ela é uma startup de Florianópolis que viabiliza transações com bitcoin para o comércio convencional e nossa empresa está auxiliando a expansão da solução na região da Palhoça.

Diego Oliveira, proprietário do John Grill e cliente de primeira hora da FuTTuro, diz que existe ainda muita curiosidade sobre como o sistema funciona. “Eu decidi apostar porque aqui no John Grill o futuro já chegou e começa a dar resultados e é assim que vamos crescer “– afirma Diego, que tem o negócio em sociedade com a esposa, Keterly Kazumi.

Na prática funciona assim, o estabelecimento comercial aceita receber em troca do valor de suas vendas o bitcoin. A conversão de valores de reais para bitcoins é feita na hora pelo sistema de recebimento, viabilizado pela plataforma Bancryp. Tudo acontece no meio eletrônico.

Hoje o John Grill, junto com o restaurante Fructifica, localizado no Passeio Pedra Branca, são alguns dos pioneiros deste mercado inovador e já estão aceitando bitcoin como pagamento. Qualquer empresa que quiser começar a receber bitcoins pelos seus produtos consegue isso com muita facilidade, é só vir falar conosco. (Contatos no whatsapp (48) 8428-8189) – reforça Willian, da FuTTuro.

Legenda: Diego Oliveira, do John Gril

compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
tags
veja também