Encontro estimula adesão ao programa Jovem Aprendiz

Com a participação da Associação Empresarial de Palhoça (Acip), foi realizado no Fórum de Palhoça nesta segunda-feira (19.10), o 1º Evento de Sensibilização do Empresariado Palhocense para Contratação de Adolescentes e Jovens Aprendizes em Situação de Vulnerabilidade.

Na oportunidade foram apresentadas as condições gerais para que as empresas possam contratar adolescentes e jovens no mercado de trabalho na condição de aprendizes.

A coordenação dos trabalhos teve o Juiz de Direito André Augusto Messias Fonseca e o Promotor de Justiça Aurélio Giacomelli da Silva. O Diretor Jurídico da Acip, Ivan Cadore, representou a entidade. Participaram com apresentações representantes da Auditora Fiscal do Trabalho, Secretaria de Assistência Social Adriano da Silva Mattos, além de representantes do Sistema S (Senai, Senac, Sesi e Sesc) e profissionais do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

A legislação diz que a partir de 7 funcionários uma empresa precisa contratar jovens aprendizes na proporção de 5% do quadro.  Para ser contratado o jovem precisa estar estudando.

A demanda reprimida do município de Palhoça é de cerca de mil jovens e pelas contas da Auditoria Fiscal do Trabalho, são 400 vagas existentes nas empresas do município e que não estão ocupadas.

As empresas interessadas poderão entrar em contado direto com o Creas pelo telefone 3242.4509.