Ex-Presidentes homenageados pelos 25 anos

No evento em que comemora seus 25 anos de fundação, a ACIP homenageou os sete ex-presidentes da entidade. Receberam a homenagem Ubirajara Câmara , Cesar Olsen, Marlon Rosa, José Antônio do Nascimento, Francisco Assis Pereira , Claudio Hoeller de Souza  e Leandro Porto da Rosa.

O atual Presidente Marcos Cardoso enfatiza que “a ACIP é hoje resultado de todo um trabalho realizado ao longo destes anos por empresários que doaram seu tempo e com suas diretorias todas voluntárias fizeram história, trazendo nossa associação até esse momento”.

A história da ACIP começou em 1993 em torno da mobilização de um grupo de empresários, coordenada por Ubirajara Santos Câmara, por melhorias para a região do recém criado Distrito Industrial de Palhoça. Neste momento a entidade se chamava Associação dos Empresários do Parque Industrial de Palhoça (Assemph). A necessidade de ampliação da representatividade transformou a associação em ACIP.

Como segundo presidente da Entidade, Cesar Olsen recorda que na época da sua gestão Palhoça aparecia como o 157º. município catarinense em arrecadação e existiam 199 no total. Hoje Palhoça está entre os dez municípios que mais arrecadam em SC.

– A ACIP cresceu junto com a cidade e creio que tenha participado de forma intensa neste processo através das práticas associativistas onde todos se ajudam buscando objetivos comuns. O que Palhoça precisa no momento é reforçar sua identidade econômica para destacar-se cada vez mais no cenário catarinense e brasileiro – disse Olsen.

Quarto presidente da Entidade e também os dos fundadores, Francisco Assis Pereira recorda seus tempos de presidência com muita saudade. “Éramos 17 empresários e fazíamos reuniões de trabalho a cada 15 dias, sempre finalizando com um churrasco onde cada colega se revezava no preparo. Todos procuravam se ajudar e buscar caminhos para as mobilizações da Entidade. Hoje a associação é um espetáculo, se fortaleceu muito e cresceu junto com a cidade. É gratificante fazer parte dessa história”.

Claudio Hoeller de Souza convive com a entidade desde a sua fundação e continua atuante até os dias atuais. Ele teve a oportunidade de viver de perto os dois principais momentos da ACIP, a fase histórica nos primeiros anos e a transformação para a atual estrutura. “O que que viu na construção da ACIP é que seus dirigentes colocaram a entidade dentro de seus objetivos. Ao mesmo tempo em que tocavam os negócios também contribuíram para o fortalecimento da Entidade, ela existe hoje como resultado de um trabalho feito por pessoas para a Sociedade”.

Atual presidente do Conselho Superior da Entidade e ex-presidente mais recente, Leandro Porto da Rosa conta que foi atraído para o associativismo para fazer algo pela Sociedade e logo ganhou um desafio de estruturar um núcleo de jovens empresários em Palhoça. “Foi o primeiro núcleo da ACIP e hoje já contamos com cinco deles. Estamos chegando a quase 500 associados e isso significa que a ACIP atinge diretamente mais de 10 mil pessoas através de suas ações que repercutem através das da comunicação repassada às empresas, tudo isso como resultado do voluntariado de empresários”, destaca Leandro.

compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
tags
veja também